The Crow

By: Paul Draven

[Recommend this Fotopage] | [Share this Fotopage]
[Archive]
Monday, 24-May-2004 00:00 Email | Share | | Bookmark
The Crow

Brandon Lee
Brandon Lee
Quadrinhos


Sunday, 23-May-2004 00:00 Email | Share | | Bookmark
The Crow Universe

Bruce e Brandon
The Crow Anime
"Vitimas..todos somos"
View all 22 photos...


O Corvo

Argumento e desenhos: James O'Barr
Editora: Pandora Books (selo Planetário)
Formato americano
Capa cartonada com Sobrecapa
244 páginas p&b em papel off-set
R$ 55,00
Nota: 9,5

Três filmes, uma minissérie para TV, livros, varias minisséries em quadrinhos... e duas mortes na vida real. Esse é o portfolio da obra-prima de James O´Barr, que finalmente tem sua primeira história publicada no Brasil.

Pra quem não conhece a origem do personagem, esse é o resumo dos fatos: a namorada de O´Barr, Beverly, foi atropelada por um motorista de caminhão bêbado e morreu, enquanto James sobrevivel com ferimentos leves e o motorista foi liberado pouco tempo depois. Completamente perdido devido a morte do grande amor de sua vida, alistou-se nos fuzileiros navais americanos e, em seu tempo livre, descarregava sua tristeza e revolta desenhando quadrinhos. E foi assim que nasceu o Corvo.

A premissa é simples: Eric Draven é assassinado por um bando de criminosos viciados, enquanto sua namorada é violentada e morta em sua frente. Um ano depois, ele se ergue dos mortos, um zumbi irrefreável e cheio de dor, cujo único objetivo é vingar a morte do grande amor da sua vida.

Nas mãos de qualquer outro, o Corvo seria apenas uma história como qualquer outra envolvendo seres sobrenaturais poderosos. Mas, inspirado por Edgar Allan Poe, The Cure, Rimbaud, pela poesia gótica e por sua própria tragédia pessoal, O´Barr criou uma obra de arte em quadrinhos. Sua maior qualidade não é a idéia, mas como ela é passada para o papel. Sua dor é perceptível em cada página, em cada diálogo.
Os desenhos alternam delicadas cenas a lápis nas lembranças de Eric da época em que era vivo com traços sombrios e violentos a nanquim em seu presente amargurado. O clima do livro lembra muito Sandman (O´Barr é grande fã de Gaiman, mas O Corvo foi lançado ANTES deste), e tem sucesso em alternar momentos de pura beleza e poesia (mas profundamente depressivas, vale avisar) com cenas de grande violência. Em suma, uma excelente história, que vale cada centavo do livro.

Analisando a edição nacional, vemos a volta da Pandora à qualidade de seus primórdios. A impressão é bem feita, e os erros de português quase ausentes. A edição inclui um prefácio exclusivo para o público brasileiro, bem como uma ilustração interna e sobrecapa igualmente exclusivas. Há também um posfácio sobre o Corvo nas mitologias históricas e uma galeria de imagens ao final. Trata-se de uma qualidade gráfica que há muito tempo não se via pela Pandora. Minha única grande crítica é o uso de sobrecapa, que se estraga muito facilmente.

The Crow Fotopage informa

Visitem a Nanda e o Lord, um casal de amigos meus de São Paulo:

http://www.fotolog.net/nanda_yamada

http://www.fotolog.net/lordverzweiflung


Friday, 21-May-2004 00:00 Email | Share | | Bookmark
Visitem também o The Crow Fotolog

 
 
 
View all 6 photos...
Curiosidades- O personagem Eric Draven foi oferecido aos atores River Phoenix e Christian Slater antes da contratação de Brandon Lee para o papel.

- O ator Brandon Lee, protagonista de O Corvo, faleceu durante as filmagens. Uma das cenas rodadas para o filme requeria que uma arma fosse carregada, engatilhada e apontada para a câmera mas, por causa da curta distância do tiro, a munição carregada era de verdade mas sem pólvora. Após a realização desta cena, o assistente do armeiro (não o armeiro, que já havia deixado o set) limpou a arma para retirar as cápsulas, derrubando um dos projéteis no cano. A cena seguinte a ser filmada envolvendo aquela arma era o estupro de Shelly, sendo que a arma foi carregada com festim (que normalmente tem duas ou três vezes mais pólvora do que um projétil normal, para fazer um barulho alto). Lee entrou no set carregando uma sacola de supermercado contendo um saco de sangue explosivo. No roteiro constava que Funboy deveria atirar em Eric Draven quando ele entrasse na sala, estourando o saco de sangue. O projétil que estava preso no cano foi disparado em Lee através da sacola que ele carregava, matando-o. Os negativos com a filmagem de sua morte foram destruídos sem nunca terem sido revelados.


- A personagem Shelly chegou a ser oferecida à atriz Cameron Diaz, que a recusou por não ter gostado do roteiro.

- O diretor Alex Proyas queria que Iggy Pop fizesse parte do elenco de O Corvo e tinha até criado um personagem apenas para ele. Entretanto, problemas de agenda impediram que o cantor/ator pudesse atuar em O Corvo, aparecendo apenas em sua sequência.

- Os personagens Top Dollar, Myca e Grange em momento algum durante o filme são chamados por seus nomes pelos demais personagens.

- O poema que Eric Draven recita quando entra na loja de Gideon é "The Raven", de Edgar Allan Poe.

- Na versão australiana de O Corvo todas as referência à palavra "fuck" foram retiradas do filme.

- O orçamento de O Corvo foi de US$ 6 milhões, sendo que o filme arrecadou US$ 94 milhões nas bilheterias de todo o planeta.

- Seguido por O Corvo - Cidade dos Anjos (1996) e O Corvo 3 - A Salvação (2000).

Fonte: http://adorocinema.cidadeinternet.com.br/filmes


Thursday, 20-May-2004 00:00 Email | Share | | Bookmark
The Crow is back

Escultura de James O'Barr
 
 
View all 16 photos...
BRANDON LEE: BIOGRAFIA
Brandon Lee nasceu em Oakland, Califórnia, em 1965, filho do legendário Bruce Lee e de Linda Lee. Já pequeno logo que começou a andar,Bruce Lee já o treinava com o seu próprio estilo o Jet Kune-Dô. Infelizmente aos oito anos de idade perde o seu pai repentinamente. Logo depois se muda para Los Angeles com sua mãe e sua irmã. Desde pequeno Brandon se interessava por teatro, sua mãe o matriculou em uma escola de teatro a Higth School of dramaturgic. Ao contrário de seu pai Brandon queria ser conhecido por sua habilidade teatral e não pelos seus conhecimentos marcias.

Alguns anos mais tarde ingressou na Faculdade de Emerson em Boston, Massachusetts juntando-se a companhia de teatro.

Brandon Lee retorna aos seus treinos de kung Fu, conciliando com seus trabalhos teatrais. Volta a treinar na academia de Dan Inosanto e Ted Wong antigos alunos de Bruce Lee.
Seu primeiro trabalho profissional foi com 20 anos, no filme the Kung Fu com David Carradine em 1986. Mas foi a partir da filmagem de "Legacy de Rage" em 1988 em Hong Kong que começou a obter sucesso. Logo veio a filmagem de "the Mission" na Namíbia estrelando com Ernest Borgnine em 1990 e "The Showdown" onde finalmente fez o papel principal de um policial estrelando junto com Dolph Lundgren.

Em 1993 começa a filmagem de "THE CROW " O Corvo, onde infelizmente no meio das gravações leva um tiro acidental, morrendo horas depois no hospital de Wilmington.
A história se repete mais uma vez, pois seu pai Bruce Lee também morreu de Edema cerebral no meio da gravação de O Jogo da Morte II.


[Archive]

© Pidgin Technologies Ltd. 2016

ns4008464.ip-198-27-69.net